terça-feira, 16 de abril de 2013

No umbigo da noite, levo-te vinho. Seda. Penumbra. Meu corpo.
Na boca mil vezes 'eu te amo'.
E o azul-lilás do olho do furação.
(by, franck)

3 comentários:

  1. Amor e furacão deveriam ser tratados como sinônimo no dicionário da vida!

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. vinho e umbigo, nao mais uma noite curta... adorei os versos

    ResponderExcluir

(Quem dá a volta ao zodíaco comigo...)

EU...

Minha foto
São Luís, MA, Brazil
Um brasileiro-nordestino, um cara comum, qlq um, como diria Caetano Veloso...