terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Náufrago


Náufrago que sou, trago do desastre a essência de um oceano... Por isso não enlouqueço, viro pluma. Nuvem. Pólen. Náufrago que sou, trago do desastre a turbulência de um continente... Por isso não enlouqueço, viro sal. Mangue. Alga. O abissal. Náufrago que sou (mal salvo), do desastre trago a busca infrutífera pelo sentido da vida, por isso não enlouqueço, me arrasto. Me aprumo. Flutuo...


(by, franck)
(imagem: olhares.com)

34 comentários:

  1. Maravilha...um náufrago que traz as lições consigo...aprendizados... abraços,chica

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto: como eu naufraguei nele, virei pluma, alga, num mundo totalmente abissal. E aprendi a ser eu.

    ResponderExcluir
  3. Deixo meu comentário através de uma canção que fez muito sucesso na voz de Jessé:

    PORTO SOLIDÃO
    (Zeca Bahia e Gincko)

    Se um veleiro
    Repousasse
    Na palma da minha mão
    Sopraria com sentimento
    E deixaria seguir sempre
    Rumo ao meu coração...

    Meu coração
    A calma de um mar
    Que guarda tamanhos segredos
    Diversos naufragados
    E sem tempo...

    Rimas, de ventos e velas
    Vida que vem e que vai
    A solidão que fica e entra
    Me arremessando
    Contra o cais...

    ____
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Belo texto, o desastre que acalma.

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Que maravilha voltar a ler-te.
    Voltei, estava de férias e me sinto renovada.. o ano que passou me deixou grandes marcas (tristes) e eu pretendo superar tudo isso, e viver.

    Mudei o blog, pois o seu jeito antigo me trazia lembranças também tristes.. agora tudo vai ficar bem.

    Cuide-se, e continue escrevendo maravilhosamente bem.

    Luz.

    ResponderExcluir
  6. Flutua Frank, flutua! A vida quer ver seu espetáculo!
    Boa semana
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  7. Oi Franck...
    A solidão do naufrago é tão triste...
    Mas sós aprendemos algumas coisas.
    Tô mudando de apê até semana que vem...
    Preciso de outros ares.rs
    Saudades
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Não!
    Na vida nada é infrutífero, nem que seja pelo desmancho desejado de escreveres e esperares que nalguma onda surja a outra leveza de pluma, que te aparte nalgum grão de areia e se torne nesse imenso continente que é o teu coração... Vou agradecer esse dia pois estarei lendo algo assim:
    Que salvo estou da vida que andei naufragado, mas passou a tormenta e as minhas penas são novas plumas, e os meus sorrisos a tua casa...

    Um abraço

    ResponderExcluir
  9. Lindo texto... simplesmente pq as vzs me sinto a deriva.... !!!!

    ResponderExcluir
  10. que belo.. a imagem tbm é belissima, franck. bjsss

    ResponderExcluir
  11. Lindo texto!!!

    "E eu sei o que eu tenho que fazer agora. Eu tenho que continuar respirando, porque quem sabe o que a maré me trará amanhã?"
    Náufrago

    tem presente pra vc no:http://paginasdelembrancas.blogspot.com

    bjos Frank!!!

    Zil

    ResponderExcluir
  12. Continua sempre a flutuar meu amigo. Nunca deixes afogar as tuas bonitas palavras.
    Bjokas

    ResponderExcluir
  13. De certa forma, Frank, somos todos náufragos e vivemos à deriva dos nossos problemas. Abraços

    ResponderExcluir
  14. E a vida o q é...diga lá, meu irmão! Ela é a batida de um coração, ela é uma doce ilusão...

    bjo, Franck!
    =)

    ResponderExcluir
  15. E que a gente vire pluma, mangue, qquer coisa, mesmo nesse mundo abissal Franck.

    O importante é SER!

    Um beijooo meu poeta preferido rs!

    ResponderExcluir
  16. _____▓▓▓▓░░░░░▓▓▓▓░
    ___▓▓▓▓▓▓▓░░░▓▓▓▓▓▓░
    _▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓░▓▓▓▓▓▓▓▓░
    ▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓(¯ `:´¯)░
    ▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓(¯ `·.\|/.·´¯)░
    ▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓(¯ `·.`(♥).·´ ¯)░
    _▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓(_.·´/|\`·._)░
    ___▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓ (_ .:._)░
    _____▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓░░░
    ░______▓▓▓▓▓▓▓▓▓▓░░░
    ░░_______▓▓▓▓▓▓▓░░░
    ░░░░_______▓▓▓▓░░░
    ░░░░░░______▓▓░░░
    ░░░░░░░░░░░░░░

    ResponderExcluir
  17. Franck, meu queridão,

    Sem os naufrágios não aprenderíamos a flutuar.

    Bjão

    ResponderExcluir
  18. Sempre intenso e profundo...
    Adoro ler teus textos.
    Beijos meus

    ResponderExcluir
  19. Que bonito Franck!
    Aliás, belos, texto e imagem. Me vi nos dois.
    Saudades tuas. Beejo,beejo.

    ResponderExcluir
  20. Pois!! cada um se defende como pode!!
    ¬

    ResponderExcluir
  21. Lendo seu post lembrei-me de Jorge Drexler "nada se pierde tudo se transforma..." E a vida vai nos transformando...
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Obrigada de verdade pela visita ao Pensamento, voltei depois de alguma demora porque ando bastante atarefada.

    Aqui, só posso dizer que estou sendo influênciada pelo signo de libra, com vantagens acima de zero grau!!!

    Adoro seu espaço e fazer parte dele, mesmo sendo apenas uma admiradora.

    Um beijo meu
    Mell

    ResponderExcluir
  23. O sentimento da responsabilidade cumprida é realmente bom, embora as vezes deixe a gente capengando de lado. Desde que nasci faço escolhas, e ainda não aprendi. Será assim com todo mundo? Mas enfim se é isso, isso é. Pelo menos resta a dramaticidade poética.

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  24. Amei esse náufrago. Fiquei a deriva de suas palavras.

    Beijos doces.

    ResponderExcluir
  25. Frank... Doce e Adorável Amigo!

    Quero me afogar nesse mar que esse náufrago se salvou... quem sabe assim conhecerei a profundidade da sua existência!

    Eu simplesmente amo ler vc!

    Beijos e uma noite de estrelas pra ti!

    Sil

    Sempre aqui

    ResponderExcluir
  26. Muitos parabéns meu amigo, tu mereces. Fico super feliz por ti.
    Beijo grande

    ResponderExcluir
  27. tudo a ver com o que escrevi e você comentou, não acha?

    Um abraço, Franck.

    ResponderExcluir

(Quem dá a volta ao zodíaco comigo...)

Previsões dadas...

EU...

Minha foto
São Luís, MA, Brazil
Um brasileiro-nordestino, um cara comum, qlq um, como diria Caetano Veloso...