quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Chiclete & Drink

(O poema abaixo é uns rabiscos meus e de Liza Leal do blog Drink Poesia)


Te procuro
escalando escombros de uma cidade em ruínas
ontem as crianças corriam nesta praça
hoje as crianças brincam de soldado-ladrão
com armas de fogo
hoje as crianças brincam de jogar estrelas
estrelas de aço e fogo.
(by, franck)

Te acho
entre relíquias de sabores assim...
feito
a coca-cola de um ontem
lembra que as bolhas subiam
até os olhos
e no céu da boca
deliciosamente ardia!
Na bolha do chicle de bola
no parque de diversão
e o casamento perfeito
da música e dos ingressos
à mão.
Hoje vagueio pelas ruas
de um velho... novo lugar
e sou levada a um perfume
de pétalas de sonhos
guardados em folhas
de um livro de cabeceira
leitura de ninar!
(by, Liza Leal)

27 comentários:

  1. olá! lindo poema! no fundo, todos procuramos alguém, ou alguma coisa em especial. abraço

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Franck,
    hoje as crianças têm brincadeiras diferentes das que nós tínhamos, mudaram-se os tempos, mudaram-se as vontades...

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Ave Sem Asas

    ResponderExcluir
  3. Crítico.
    Poética.
    Belíssimos.

    Abraços.
    Obrigada pelas visitas sempre afetuosas...
    apareça sempre no nosso espaço.

    Poetíssima#

    ResponderExcluir
  4. Oi, Frranck!
    Eu adoro poesia, mas sou uma negação, então prefiro apenas admirar coisas tão bonitas como essas linhas suas e da Liza Leal.
    Um beijão!
    Viviane

    http://www.umpontoforadacurva.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Parabéns aos dois.
    O Bruno já está comprometido com o André, sossega a facho rsrsrs
    Bjux

    ResponderExcluir
  6. Eu não sou mais criança, trago uma por dentro, menino crescido, como sugeria o poeta inglês... queria estrelas, conta-las e ganhar verrugas nos dedos, e acreditar que cada uma é um olho de anjo a nos espiar...

    ResponderExcluir
  7. Que bom saber amigo, que esta no mesmo barco da procura do mestrado...muito bom mesmo.

    poema lindo esse, viu.

    abraços
    de luz e paz

    Hugo

    ResponderExcluir
  8. "não que eu tenho pés de mirra plantado no jardim da minha casa que perfumam as mãos, o ar, o começo da noite..." (by Franck, extraído do comentário em meu texto).

    Franck, você pode não ter mãos que cheiram a mirra, mas sabe usá-las para digitar palavras tão bonitas. E, com certeza, a alma cheira a mirra, pois é o que se vê em tamanha sensibilidade e delicadeza.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  9. deve ser dificil fazer poema em dupla [acho, sou muito egoísta..ha-ha!] mas gostei das analogias, e pelo que vi os dois tem o mesmo estilo de escrita..isso ajuda! ;]

    Bjao Franck..boa semana..se cuida querido!

    ResponderExcluir
  10. Parceria forte essa.
    Lindo poema, a realidade infatil hoje é lamentável.


    Beijoo meu.

    ResponderExcluir
  11. Gente... me esqueci da dupla!

    Ficou tão bom que pensei ter sido feito apenas por uma pessoa. É claro que eu havia lido que era uma composição a dois.

    Liza, você continuou o poema do Franck de forma suave, deu mais alegria e um toque de saudade e encontro d'almas, mas permaneceu na ideia dele.

    Vocês formam uma ótima parceria.

    Beijos aos dois e me desculpem a distração. Ops!...

    ResponderExcluir
  12. Que parceria hem?! Unidos na mesma sintonia, perfeito isso =) beijao

    ResponderExcluir
  13. Oi Raro Franck, eu amo estar aqui, mascar chicletes e ler seus poemas!!!
    Quero agradece-lo também por completar meus pensamentos e momentos, com palavras tão sabias que completam meus posts!Realmente é bom saber que um Raro semeia o bem na blogosfera!!!!Desejo um bem que não cabe em palavras e também inspirações sempre em sua vida.........beijos poeta!

    ResponderExcluir
  14. Ah, mas esses rabiscos estão pra lá de bons, demais da conta, rs. É meio que uma viagem do passado pro presente... muito soltos, ricos, descontraídos. A-do-rei!
    Beijos de saudade pra você, Franck!!! Muitos beijos!

    ResponderExcluir
  15. áhhh, mas com certeza!! nunca podemos perder o brilho qe temos dentro de nós! nossa alta-estima é tudo!! =) adoreii seu poema!! ^^ abraço amiigoO!!! =))

    ResponderExcluir
  16. E quando assim é, as crianças tornam-se adultos em miniatura, perdendo o que têm de puro e ganhando os nossos vícios demasiado cedo. Abraço!

    ResponderExcluir
  17. Franck e Liza?!

    Ficou perfeitooooooooooooooo!!!
    Escrever algo juntos...acho tão dificil, só pessoas da alma dos dois o sabem!


    PS: To "Miór" Franck rs!
    Só uma crise besta de visicula, mas nada grave.
    A rocha voltou rs.
    Saudade.
    Obrigada sempre pelo carinho!
    Amo você!

    ResponderExcluir
  18. Franck, meu queridoooooooo!

    Porque amor pela metade hoje, hum?
    E você é realmente amor da cabeça aos pés.
    O amor tem nome, e se chama Franck.

    Te amoooooooooooooooo, meu querido!

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Chiclete e Drink?! rsrs

    O melhor de tudo é saber q a distância não é impedimento p/a troca de energia. É como se assistisse a doação plena de duas crianças que trabalham na construção de um mosaico.

    Obrigada pela doce acolhida e o carinho dos seus visitantes!

    bjo
    adorei!

    =)

    ResponderExcluir
  21. ***ESTE POEMA REMETE MUITO AS LEMBRANÇAS QUE TIVEMOS E QUE A SAUDADE NOS FAZ LEMBRAR, PARA SABERMOS COMO FOI NOSSA VIDA E COMO SERÁ.***

    ADOREI SEU BLOG!JÁ SOU SUA SEGUI!TE ESPERO NO MANUPINK, TOMARA Q CURTA!!!!

    ResponderExcluir
  22. Olá, adorei teu cantinho! Já sou teu fã!
    No fundo queremos que alguém toque fundo o nosso coração.

    ResponderExcluir
  23. Dor na mandíbula por colocar os chicletes e as leituras em dia. rs!
    Super vale à pena.

    Minha vida realmente fica mais doce ao passar por aqui...

    Beijos, Franck!!!

    ResponderExcluir
  24. FRANCK MEU QUERIDO...
    Obrigada pela dica, apaguei muitas fotos e gostaria que vc desse uma olhada, se melhorou para abrir...
    Bjssssssssssssss
    Gena

    ResponderExcluir
  25. Oi Franck, tudo bem?
    Menino, ficou ótima a dobradinha heim? rsrs
    Ai menino, brigado, ñ importa se vc está desde começo, pq além do mais, ñ perdeu assim grandes coisas, rsrs. Mas fico feliz q esteja agora menino, rs.
    Bjo

    ResponderExcluir

(Quem dá a volta ao zodíaco comigo...)

Previsões dadas...

EU...

Minha foto
São Luís, MA, Brazil
Um brasileiro-nordestino, um cara comum, qlq um, como diria Caetano Veloso...